Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Antes de começar

Antes de Começar
Existem seis coisas que deve fazer antes de começar a procurar emprego

Quando está à procura de emprego, talvez o primeiro depois de concluir os estudos, pode parecer realmente uma perspetiva assustadora. Aqui tem alguns aspetos com os quais se deve começar a preocupar, ainda antes de começar a enviar o seu CV para potenciais posições, para que se possa preparar para qualquer que seja a oportunidade:

What would a prospective employer find if they ran a search on you?

1. Defina as suas metas

É um bom começo pensar sobre o que quer da sua carreira futura - tanto a curto como a longo prazo. Pergunte-se a si próprio:

  • O que é que eu gosto de fazer? 
  • Em que é que eu sou bom? 
  • Quais são as minhas competências e conhecimentos? 
  • Quais as características de um trabalho que são mesmo importantes para mim? 

2. Organize o seu CV

Cada palavra do seu currículo precisa de ser bem construída:

  • Comece por clarificar a seção de educação. Se é um licenciado, o seu diploma deve realçar as suas qualificações escolares, que podem ser descritas numa linha cronológica na maioria dos casos.
  • Altere o seu currículo para cada candidatura onde isso possa ajudar. Examine a descrição da função e coloque a sua experiência mais relevante para essa posição.
  • Seja breve e direto ao ponto. Os recrutadores recebem muitas candidaturas, portanto, muitos detalhes não são necessários e não farão com que se destaque entre os outros candidatos.
     

3. O teste do Google 

O que um empregador encontraria se fizesse uma pesquisa no Google sobre si? Será que tem as configurações de privacidade corretas para garantir que a vida pessoal e profissional não se misturam? 

4. Faça cursos e voluntariado 

Aumente a sua empregabilidade através de novas aprendizagens por meio de cursos ou fazendo voluntário. Ambos demonstram um forte trabalho ético e que está ansioso para tomar a iniciativa. Eles também irão enriquecer o seu currículo, fornecendo pontos de discussão para a sua entrevista e potenciais oportunidades de networking. 

5. Siga marcas e recrutadores nas redes sociais 

Se já usa sites como o Facebook e o Twitter, confira as páginas de possíveis empregadores e siga-os. Desta forma, não apenas receberá notícias e vagas de emprego, mas também aprenderá mais sobre a cultura da empresa em questão. Conseguirá ter uma ótima ideia de como é o atual mercado de trabalho e se realmente se encaixaria na cultura da empresa para a qual se está a candidatar. Então, certifique-se de seguir a nossa página no Facebook e LinkedIn! 

6. Faça conexões

As pessoas são mais propensas a fazer negócios com indivíduos que conhecem ou pessoas que são recomendadas. Deixe que amigos, familiares, colegas de escola ou universitários e contatos profissionais saibam que está à procura de emprego, e não tenha medo de pedir ajuda para encontrar contatos. Um perfil no LinkedIn ajudará também a construir uma rede de contatos, mas não se deve esquecer de feiras de emprego, eventos de ex-alunos e conferências que também são ótimas oportunidades de networking.